Pesquisar este blog

quinta-feira, 31 de dezembro de 2015

★ Destaques de Dezembro - AFLBN ★

Oi gente, como vão?

Dezembro foi um mês bem agitado na AFLBN e fizeram tantos posts legais que eu nem sei o que destacar, haha! O tema do mês foi o "Amiga Blogueira Secreta" e você pode conferir os blogs que participaram lá na page! Quem me tirou foi a Hoshi do Pote de Estrelas - dê uma olhadinha no post (e no desenho super legal!) que recebi clicando aqui.

Link
E para os destaques! (Vai ter um monte, haha!)

★ A Gabi abriu um canal no Youtube e fez um review bem bacana da boneca Lizzie Hearts!


★ No Petit Trianon a Regi deu uma opinião bastante sensata sobre aquela reportagem fraca da Hadley Freeman.


★ A Ichigo do Sussurro do Ar também fez um review em vídeo do seu dream dress, o Twinkle Journey!


★ A Aline falou do Mimi Party de Natal e também deu dicas legais de aplicativos para celular (o Obenkyo eu já instalei!)

IMG_20151213_183221047

★ No Firefly Nebula foi a vez de conhecer as metas para 2016 da Thia!


★ No Midori Sakura a Sayaka fez uma lista muito bonitinha de coisas para se fazer no Natal (o Natal já foi, mas a inspiração ainda vale)!



★ No Pote de Estrelas a Hoshi postou seu outfit Cult Party Kei!


★ No Medora & the Ensemble of Roses, a Medora fez um post sobre seu aniversário. O cabelo dela está colorido (e lindo) também!


★ No Pastel Cubes a Luly fez um review com fotos maravilhosas da loja Glitterbomb!


E é isso por hoje! Não canso de repetir que esses são só alguns dos posts do mês, e que há muito mais coisas para se dar uma olhada, então não deixe de visitar os blogs do grupo e dar uma passadinha lá na página!

Network

Espero que tenham tido um ótimo Natal e que 2016 seja um ano maravilhoso!

Até mais!

Milky

quarta-feira, 30 de dezembro de 2015

★ Revisão das metas de 2015 e metas para 2016! ★

Oi, como vocês estão?

Aviso: o post é meio longo porque eu juntei todas as coisas desse assunto numa postagem só!

Eu não costumava fazer metas para o ano novo até o ano passado, em que sugeriram a ideia na AFLBN. Eu realmente fiquei surpresa em como, no fim das contas, isso serviu seu propósito (e até mais!) então pretendo fazer uma lista de metas todo ano a partir de agora, haha. Antes de fazer a listagem para 2016, entretanto, queria dar uma revisada nas do ano passado e comentar algumas coisas, então aí vai:

★ Revisão das metas de 2015 
Link
Eu criei três objetivos grandes e principais, e depois listei algumas coisas menores e mais objetivas. As menores foram as que mais sofreram alterações ao curso do ano (eu já tinha adiantado que elas eram coisas meio alteráveis, e na verdade até achei que fiquei com mais delas do que imaginaria no começo!).

Os objetivos maiores foram:

Organização

Isso foi a coisa mais impressionante de todas, porque eu era a Rainha do Caos e realmente consegui me organizar nesse ano, haha! Meu quarto está limpo e praticamente vazio de coisas desnecessárias, minha agenda ficou coerente (eu não passei mais apertos na faculdade por causa de procrastinação - passei uns por outras coisas, hehe) e minha vida, de maneira geral, clareou bastante. Com certeza dá para fazer mais, então certamente não vou parar por aqui, mas estou muito contente com o aprendizado e o resultado! Quase não acredito que simplesmente deu certo, haha.



Saúde

Eu me esforcei para me alimentar melhor, meditar e fazer alongamentos ao longo das semanas, mas de todas as metas, acho que essa é a que deixou mais a desejar. Não vi muita diferença do começo do ano para cá, até porque eu acho que não houve tanta mudança nos hábitos assim - eu tive uns vais e vens, e algumas coisas eu simplesmente não consegui mudar muito. De qualquer forma, como eu disse, eu fiz o possível para melhorar minha alimentação e tentei manter meus ossos no lugar me alongando e tentando arrumar a postura. Eu passei a usar as escadas em vez do elevador e também tomei bastante cuidado com a minha pele (e nesse caso, mesmo que não tenha dado muito resultado, com certeza foi uma mudança de verdade, porque eu testei uma porção de coisas e adquiri hábitos bem mais saudáveis). Em geral foi bem melhor que 2014, mas essa parte precisa de uma nova estratégia, então vou levá-la para o ano que vem!

Não rolou, rs

Anti-ansiedade

Eu realmente me esforcei bastante nessa meta, e embora não tenha erradicado o problema, eu tive uma melhora considerável também! De todas as coisas que fiz nesse ano, acho que estudar livros e vídeos de desenvolvimento pessoal, questionar e praticar ideias diferentes, etc, foram as coisas em que mais me concentrei. Talvez por isso eu esteja com essa sensação de exaustão eterna, rs, mas de fato, não há nem como comparar minha situação em janeiro com a de agora - eu acho que cresci mais nesse ano do que em muitos dos outros anos juntos! Vários problemas ansiosos sumiram, outros diminuíram, e tenho certeza que os que ficaram não vão durar muito tempo também!



Para as metas bônus:

Não fiz o cosplay da Lady Oscar porque desanimei com os preços, rs, mas okay (não era exatamente uma prioridade, haha).
★ Também não fiz o TOEFL porque estava esperando que faculdade oferecesse (como ela fez no ano anterior, mas nesse não teve). E não fui procurar por conta própria porque mudei um pouco de opinião a respeito dos intercâmbios.
A página no facebook para os desenhos foi montada (yass!), então não deixe de dar uma passadinha por lá! É a Candelabra!
Também não comprei o piano digital por causa do preço, mas ele ainda está na minha wishlist e um dia será adquirido, haha.
Não fotografei muitos outfits (leia-se: nenhum, praticamente, rs) porque a faculdade tomou um tempo bem maior do que eu esperava que tomasse esse ano, e eu estava sem ânimo para fotografar antes de sair. Também não fui a muitos lugares, então essa parte realmente acabou ficando meio largada. :/
Eu não escrevi tanto quanto gostaria, mas consegui revisar os contos que tinha publicado no Nyah, e Montre - que eu escrevi faz um tempão, mas que estava precisando de revisão urgentemente. Você pode ler todas essas coisas aqui.
Eu realmente consegui usar mais moda alternativa esse ano (não tem nem comparação com o ano sem-graça que foi 2014 nesse quesito) e meu guarda-roupa me agrada muito mais agora do que antes! Acho que dá para melhorar também, então vou manter isso aqui em 2016!

E então, falando nele, vamos para 2016!

 ★ Metas para 2016! ★
Metas grandes

Diversão!
"At the end of the day it's all about who had more fun".

Diversão é minha master-meta para 2016! Eu nem vou entrar em muitos detalhes sobre como é fácil deixar de se divertir em prol de qualquer coisa mais "importante" ou mais "útil" - principalmente em uma sociedade que é tão ligada em produtividade quanto a nossa. Também não vou dizer muito sobre como fazer as coisas se divertindo se torna algo imensamente mais "produtivo" (e que mesmo quando dá errado, é, no mínimo, um tempo que vale a pena ser gasto). Não vou ficar falando que as tentativas de levar a vida na base de porrada só me levaram a exaustão, e que eu não me importo em tentar um approach novo. Eu certamente valorizo planejamento e definição de objetivos (olha só essa lista, rs), mas acho que essas coisas só funcionam no seu máximo se você se libertar para escolher o caminho que quiser. É preciso um pouco de coragem para desafiar a ideia de mundo que você tem na sua própria cabeça, mas eu não vejo maneira melhor de gastar uma vida finita, do que procurar se divertir e encontrar o que há de melhor em cada momento! De qualquer forma, não dá para saber se não tentar, então eu vou nessa!


Saúde e bem estar de modo geral

Nessa meta, para complementar a do ano passado, eu vou juntar tudo que tenha a ver com "wellbeing" - desde a saúde física e mental, até a saúde do planeta. É uma meta ampla também, mas aí vão algumas ideias do que dá para continuar fazendo ou começar a fazer em 2016:

Se livrar de comidas que fazem mal (junk food, etc), alongar, descansar mais, gastar menos dinheiro, passar menos tempo no computador (e ter um horário específico para as redes sociais), tomar mais chá, fazer as coisas mais devagar, fazer uma coisa por vez, economizar energia e água, reciclar, doar o que não usa, tomar cuidado com o sol e usar protetor solar, recusar o que não quiser ou não puder guardar, carregar menos peso, subir de escada, não ficar o dia todo sentada, começar a aprender alguma luta, meditar, ouvir mais música, ler coisas leves, usar produtos para o rosto, praticar autoconfiança, etc (e tem muito mais!). Também vou sair caçando receitas saudáveis, e as que funcionarem eu posso postar aqui!


E são só essas duas metas esse ano! Eu sei que é mais fácil falar do que fazer, rs, mas estou disposta a dar o meu melhor e tentar não julgar a jornada!

Metas objetivas

 Aprender japonês! Eu tentei estudar alemão, mas como é uma língua (e cultura) com a qual eu não tenho contato, o processo acabou ficando lento e meio chato. Vou me concentrar em japonês, que eu ouço/vejo com mais frequência (e que tenho mais interesse), e talvez depois volte para o alemão, ou pule para outra língua. Na verdade, não sei porque fiquei esquivando do japonês por tanto tempo também, haha.

 Começar um canal no youtube! Estou querendo começar a gravar já faz um tempo, mas eu não consegui escolher sobre o que falar, e nem sobre como falar, então acabei enrolando a ideia. Desenrolarei em 2016, rs (eu espero).

 Desenhar mais! Terminar, no mínimo, um sketchbook. Em 2015 eu fiquei migrando de técnicas e não consegui terminar nem um.

 Fazer mais DIY's para moda, decoração e até cosplay! Estava pensando que já que eu não estou inclinada a gastar muito dinheiro, podia aprender a fazer algumas coisas sozinha - o que acho que vai ser bastante interessante também, já que eu sempre falo que quero fazer handmades e nunca faço, rs. E o cosplay está aí porque a esperança é a última que morre, haha! Vou tentar fazer algo mais simples e consequentemente mais barato (Jack Frost, estou olhando para você) e pode ser que isso dê um ânimo para começar logo de uma vez!

Juntar dinheiro na poupança! Quero dobrar o que tenho lá para depois investir um parte em outras coisas. Não sei exatamente como eu vou fazer isso ainda, mas eu vou tentar, haha.

Escrever mais! Começar e terminar uma história inteira, escrever contos ou completar as antigas.

Ler mais livros de histórias! Principalmente os infantis, porque eu li muita coisa aleatória em 2015 e acabei cansando um pouco dos informativos (vide o post das Leituras de 2015).

Continuar dando power up no meu guarda-roupa, rs, e tirar mais fotos! Não é possível que com um canal no youtube eu não me aventure a fotografar mais! Também queria arranjar uma câmera boa, mas com ela ou sem ela, vou tentar parar de correr de fotografias, rs.

Atualizar e reorganizar a loja. A Chocobat ficou meio abandonada (eu só estava postando coisas de vez em quando e não divulgando muito), mas eu queria arrumar o visual dela, repaginar as vendas e trazer produtos novos. Tinha pensado em mudar de nome também, mas isso eu não tenho certeza.

E é claro, manter minha meta de organização e simplificar as coisas o máximo que eu puder!

E é isso! Estou contente com as metas para esse ano e até bastante animada com elas (o que é considerável para alguém que estava se arrastando há um mês atrás, haha)!


E vocês? Fazem metas para o ano novo? O que estão planejando para 2016?

Eu fico por aqui. Um abraço e boas festas!

Milky

domingo, 27 de dezembro de 2015

★ Review: Campanella ★

Oi, gente! Como vão?

Hoje vou fazer um post rapidinho sobre uma compra recente na loja Campanella! Eu encomendei um vestido para usar no Ano Novo! :)


Eu conheci essa loja pelo Daily Lolita! Gostei muito de um vestido que foi postado lá (que era para o Natal) e entrei em contato para ver se conseguia comprar um igual ou parecido. O tecido original tinha acabado, mas as outras opções também eram muito boas, então aproveitei que uma das estampas era meio branca/dourada e encomendei para usar na virada do ano. Eu não sou muito encrencada com essas coisas de cores, haha, mas achei que combinava com a ocasião e que ia dar para usar tranquilamente no dia-a-dia, então comprei.

O atendimento foi ótimo, a confecção foi super rápida e o vestido ficou muito bonito!



Meu manequim ainda é meio desengonçado, então perdoem as fotos, rs.

Fiquei especialmente contente porque ele é bastante confortável e muito fácil de usar, o que com certeza vai me animar a colocá-lo mais vezes no cotidiano! A estampa é bem bonita, as rendas são de ótima qualidade e tudo me serviu certinho (graças a Odin, porque eu tenho um histórico ruim de mandar medidas erradas, haha).


Ele também funciona bem no calor e combina com a maior parte das peças que tenho no meu guarda-roupa. O pacote foi feito com bastante cuidado e eu ganhei um anel muito bonito de brinde (o que aparece na primeira foto)! Tudo foi feito, enviado e entregue de maneira bem rápida, então estou muito satisfeita com a compra e com a loja!


Dá tanto para usá-lo num outfit simples ou enfeitá-lo para fazer alguma coisa mais complexa, então isso vai depender da minha boa vontade no dia 31, hehe.

Mas, por hoje é só! Não deixem de perguntar se tiverem alguma dúvida! 
E como estão indo as festas de vocês? Vocês comemoram esses períodos do ano?


Fico por aqui, até mais!

Milky

sexta-feira, 25 de dezembro de 2015

★ Amiga Blogueira Secreta - AFLBN ★


Olá, gente!

Nessa noite de Natal o post será o tema do mês da Alternative Fashion & Lifestyle Blog Network, que nada mais é do que entregar o presente da "Amiga Blogueira Secreta"!

Nós sorteamos os blogs que se inscreveram para participar da brincadeira (todos membros da AFLBN) sendo que cada um deveria fazer um post de divulgação e dar um presente virtual para a pessoa que tirasse. E minha amiga secreta é a:

★ Sayaka! 
Então vamos juntos dar uma olhada nesse blog maravilhoso, que é o Midori Sakura!

Não deu para usar o header por causa do fundo branco. Essa imagem é de um tutorial muito legal! Link
O blog da Sayaka é o lugar perfeito para quem gosta de Mori, DIYs e todo o tipo de inspiração artística. Começado no final de 2010, o Midori Sakura passou por uma porção de mudanças ao longo do tempo, mas os posts antigos, tanto quanto os novos, são muito informativos e inspiradores! De vez em quando eu ainda caio em alguma postagem antiga de lá - como por exemplo essa e essa, que apareceram nas minhas últimas pesquisas sobre Dolly Kei.

No Midori Sakura você também vai encontrar postagens sobre estilos específicos como Lolita, Hama Girl ou Natural Kei, inspirações de fotografia e música, além de poder conhecer um pouco mais sobre livros ou aprender algumas receitas novas. Os posts de outfits são lindíssimos, todas as fotos do blog são de altíssima qualidade e os tutoriais são feitos com muito capricho! O ambiente todo é muito agradável e você pode ficar um tempo considerável por lá sem nem perceber, rs.

 Tema do mês de Setembro: Flores. Link
O Midori Sakura também tem uma página no facebook, onde a Sayaka compartilha ideias de customização e tutoriais super legais!

Vou deixar também uma listinha com alguns posts recentes que eu mais gostei - embora eu recomende para que você dê uma boa olhada no blog todo, porque há muito mais coisas interessantes além dessas!

★ Artigos de armarinho: ideias simples para animar suas roupas!
★ Introdução ao ojikawa style!
★ Music+Code! Lee Hi: "Rose"
★ Tutorial: Broche de ninho de pássaro!
★ Pequeno guia para coleções naturais
★ Tema do mês AF&L Blog Network ~ Novembro: coordinates inspirados em comida!
★ Criando coordinates mori girl a partir de acessórios e contos de fadas!
★ Tema do mês AF&L Blog Network ~ Abril: Tutorial
★ Music+Code! AKMU: "Star", "Galaxy" e meus tutoriais de constelações e nebulosas preferidos!

Music + Code! AKMU "Time and Fallen leaves" e mori kei. Link.
E se estiver procurando por mais, você também pode dar uma passada no Instagram, que está cheio de fotografias incríveis (estou dizendo!) e no tumblr Forest Fairy Tales, que também é muito agradável e está cheio de inspirações!

 

Fiquei bastante contente em ter tirado a Sayaka no amigo secreto, e tentei fazer um presente que tivesse conexão com Mori Girl e com a natureza em geral, porque achei que essas coisas representassem bem o estilo do blog. Também queria que tivesse cara de Natal (porque ia ser entregue no Natal, hehe) e estrelas, porque tinha visto no Mosaico Pessoal que ela gosta de temas astronômicos. Então tentei fazer um desenho com todas essas coisas, já que desenhar parecia ser a melhor opção de presente. Terminou assim:

Clique para ampliar!
Foi feito com lápis de cor e editado no Photoshop. Achei interessante que, meio sem querer, eu desenhei uma menina com aspecto bastante calmo - que é uma sensação que tenho ao andar pelo blog da Sayaka, já que tudo parece tão bonito e tranquilo por lá! Eu também não aprendi a desenhar estrelas direito até hoje, mas eu tentei, haha. Espero que você curta!


Network

Eu quase me entreguei algumas vezes sem querer, enquanto stalkeava as coisas da Sayaka, haha. Espero que não tenha dado para perceber. xD

E é isso por hoje. Não deixem de dar uma passada no Midori Sakura - e nos demais blogs da AFLBN, já que todo mundo vai estar entregando os presentes e divulgando outros lugares interessantes para se visitar!

Desejo um incrível Natal e que 2016 seja um ano maravilhoso para todos vocês!

Até breve!

Milky

sexta-feira, 18 de dezembro de 2015

★ Leituras de 2015! ★

Olá, como vão?

Estava pensando em fazer esse post um pouquinho mais para perto do fim do ano, porque tenho algumas leituras que estão quase terminando, mas, como pode ser que eu me enrole, achei melhor postar de uma vez. Gostei da ideia da Madrepérola de fazer uma postagem com os livros lidos durante o ano! Já tinha feito uma em 2014, que você pode ler aqui, e resolvi fazer outra em 2015 também. :)

Esse ano, em específico, foi bem estranho em relação as minhas leituras, haha. Eu costumo ler coisas de assuntos diferentes (inclusive coisas realmente aleatórias, rs, por pura curiosidade), mas em 2015 eu consegui quebrar praticamente qualquer barreira que eu tivesse com um gênero/tipo específico de livro!

Minhas principais descobertas foram os livros de "auto-ajuda" (coisa que eu nem passava perto nas livrarias, principalmente por causa dos títulos) e os guias de espiritualidade (que eu também evitava mais que o pessoal que faz propaganda no metrô, rs). Não que eu esteja eximindo esses gêneros de suspeitas (há livros bons e ruins de todos os tipos), mas a verdade é que (como sempre) generalizar é uma atitude falha, e eu encontrei livros muito legais que eu jamais teria lido se tivesse mantido esse tipo de preconceito!

Então vamos para a lista!

★ Leituras de 2015 

Camille reading under a tree by Claude Monet, 1872:
Link
Livros lidos em 2015
Dessa vez por ordem crescente de tempo (jan-dez)

1. Sandman - William Joyce
2. A semana dos bruxos - Diana Wynne Jones
3. Como evitar preocupações e começar a viver - Dale Carnegie
4. Oscar Wilde complete shorter fiction - Oscar Wilde/Oxford World's Classics
5. Manifesto do partido comunista - Marx e Engels
6. O mundo assombrado pelos demônios - A ciência como uma vela no escuro - Carl Sagan
7. O vampiro Lestat - Anne Rice
8. Comida e vinho - Mary Dowey
9. Agência de investigações holísticas Dirk Gently - Douglas Adams
10. Guerra civil - Stuart Moore
11. O vale do terror - Sir Arthur Conan Doyle
12. Os segredos da mente milionária - T. Harv Ecker
13. A poética - Aristóteles
14. A rainha dos condenados - Anne Rice
15. Les misérables - Vitor Hugo
16. Arco-íris, flocos de neve, quarks - A física e o mundo que nos rodeia - Hans Christian von Baeyer
17. Como fazer amigos e influenciar pessoas - Dale Carnegie
18. O zen e a arte da escrita - Ray Bradbury
19. Jane Eyre - Charlotte Brontë
20. Investimentos inteligentes - Gustavo Cerbasi
21. Assim falou Zaratustra - Friedrich Nietzsche
22. Como ser um pirata - Cressida Cowell
23. Hamlet - William Shakespeare
24. Do grotesco e do sublime - Victor Hugo
25. A arte de escrever - Arthur Schopenhauer
26. O alienista caçador de mutantes - Natália Klein
27. Quem mexeu no meu queijo? - Spencer Johnson
28. Peter Pan - J.M. Barrie
29. O castelo animado - Diana Wynne Jones (De novo!)
30. Guia de boas maneiras - Marcelino de Carvalho
31. A new earth - Eckhart Tolle
31. Guia essencial da bruxa solitária - Scott Cunningham
32. The four agreements - Don Miguel Ruiz
33. Contos fantásticos no labirinto de Borges - seleção de Braulio Tavares
34. Japanese fairy tales - Yei Theodora Ozaki
35. Constructive anatomy - George B. Bridgman
36. O Mistério do Vale Boscombe e outras aventuras - Sir Arthur Conan Doyle


HQ's/Mangás/etc. (não listando os periódicos):

1. The Innocent - Fujisako Junichi, Avi Arad, Ko Ya-Seong
2. Sandman - Noites sem fim - Neil Gaiman
3. Navio Dragão - Rebeca Prado
4. Entrevista com o vampiro - A história de Claudia - Ashley Marie Witter
5. Inktober Sketchbook 2014 - Sapo Lendário
6. FRUiTS - Shoichi Aoki


Favoritos:

Os livros infantis/infanto-juvenis que li esse ano foram todos maravilhosos. Eu gosto muito da Diana Wynne Jones, e não poderia deixar de recomendar O Castelo Animado e A Semana dos Bruxos - o segundo faz parte de uma coleção, mas pode ser lido sozinho também (não é o melhor livro dela, mas ainda assim é bem legalzinho)! Também gostei muito de Peter Pan, Sandman e Como Ser um Pirata. Os dois últimos também são parte de séries, mas Como Ser um Pirata eu li perdido mesmo (e ainda assim foi bem divertido!).

Eu estive lendo Os Miseráveis nos últimos três anos (desde antes de entrar na faculdade!). Eu tinha salvo o livro no celular e só lia de vez em quando no ônibus, então acabei levando um tempo gigantesco para terminar. O curioso de ter feito a leitura desse jeito é que a história acabou tomando proporções de vida, e cada parte ficou associada, de alguma forma, ao momento em que eu estava passando quando li. Terminar esse livro foi como terminar uma jornada heroica, e embora eu não tenha amado o final, o livro todo é incrível e com certeza vale a pena ser lido!

Para compensar minha falta de Jane Austen esse ano, eu li Jane Eyre da Charlotte Brontë, e acho que fiz uma boa escolha! Apesar de ter uma atmosfera parecida, Jane Eyre é um livro consideravelmente mais tumultuoso e forte (num sentido temático) que os livros de Austen. Não foi uma leitura tão leve quanto o que eu tinha em mente para esse tipo de livro, mas foi interessantíssimo e não deixou de oferecer toda a aura de novela inglesa que estava procurando encontrar. Também recomendo!

Hamlet eu tive um pouco de delay para favoritar, mas agora acho que é um dos melhores livros de Shakespeare que já li. Creio que só o fato de ele ter me deixando pensando por tempo o suficiente para criar uma opinião nova, já é um sinal de que o livro é, no mínimo, interessante. O que mais me chamou atenção nesse livro foi a maneira como a loucura de Hamlet foi retratada - para mim, pareceu algo novo e, de uma forma estranha, inspirador, rs. É legal ler e tirar suas próprias conclusões!

Por fim, como eu disse, eu li alguns livros de "auto-ajuda" (entre aspas porque eu não tenho certeza se é esse o nome correto). Foi possível extrair alguma coisa de relevante de todos os guias que li, mas alguns foram mais úteis do que outros: o Os Segredos da Mente Milionária é um livro muito prático, e na minha opinião, as ideias mais importantes que ele apresenta, não são nem sobre dinheiro, mas sobre mudar sua maneira de ver o mundo. Os livros do Carnegie são interessantes também, porque são igualmente funcionais. Dos que li até agora o Como evitar preocupações e começar a viver foi o que achei mais interessante. E daqueles um pouco mais espirituais, o The Four Agreements foi o mais legal - ele traz, basicamente, quatro ensinamentos da cultura Toltec. Curiosamente, esse livro é, na verdade, tão prático (e até mais sucinto) quanto os guias modernos. Todos eles, aliás, no fundo acabam falando das mesmas coisas, e eu fico contente de ter resolvido lê-los, porque me ajudaram bastante!

Outros livros legais de 2015: 

Oscar Wilde, complete shorter fiction; O mundo assombrado pelos demônios - a ciência como uma vela no escuro; O vampiro Lestat; O vale do terror; O zen e a arte da escrita; A arte de escrever; Guia essencial da bruxa solitária; Contos fantásticos no labirinto de Borges; Japanese fairy tales; O mistério no vale Boscombe e outras aventuras; todas as HQ's e livros de arte, com exceção de The Innocent.

Livros não tão legais assim:

O Alienista Caçador de Mutantes para mim foi o pior livro que li esse ano. Minha mãe comprou e deixou comigo, e eu acabei lendo de uma vez porque era bem curtinho (e eu até gosto de mashups). Mas achei o humor do livro ruim a ponto de ser irritante - embora eu saiba de gente que gostou, então acho que varia de pessoa para pessoa, rs. De qualquer maneira, não recomendo não.

Também achei o mangá The Innocent bem fraquinho e meio corrido. Talvez tivesse ficado melhor se tivesse sido feito em mais volumes.

Dos demais, nenhum foi ruim de verdade, respeitando o que se espera dos livros - por exemplo, O Guia de Boas Maneiras é meio exagerado, mas isso faz parte da época/proposta do negócio, então você lê mais como curiosidade que como um guia real, rs. O mesmo vale para A New Earth, por exemplo.


Eu li um pouco mais do que no ano passado, o que é considerável, já que em 2014 a faculdade ficou de greve e em 2015 a gente teve de repor as aulas perdidas. Mas acho que deveria, em 2016, ler mais livros de histórias (esse ano acabei vendo bastante coisa informativa, e terminei meio cansada).

Também queria lembrar que, todo livro - principalmente esses que se dizem guias - devem ser lidos com um filtro alto. Não é saudável aceitar tudo que você lê só porque foi impresso. Mesmo nos livros que recomendei, por exemplo, há pontos em que eu discordo ou acho que não me ajudam. Não que tenha que ter algo com que você discorde em todo livro que leia também, mas acho que se concordar com tudo, é bom se esforçar para estar consciente do motivo.

Mas e vocês, o que leram esse ano? Tem algum título para recomendar? Descobriam alguma coisa nova?

Fico por aqui por enquanto, até mais!

Milky

sexta-feira, 11 de dezembro de 2015

★ Recomendação: Little Witch Academia ★

Oi, gente! Como vocês estão?

Eu vou aproveitar a vibe de sugestões para recomendar outra animação que assisti esses dias: a Little Witch Academia. Eu tenho procurado ver séries curtas porque ultimamente estou sem tempo/paciência para assistir as mais longas, e cheguei nessa meio sem querer (vi uma imagem, achei legal, e fui assistir sem saber o que estava fazendo, haha), mas não me arrependi nem um pouco!

Link
Little Witch Academia é um curta metragem de mais ou menos vinte minutos, produzido pelo estúdio Trigger (o mesmo de Kill la Kill). Foi lançado em 2013 no Japão e por causa do sucesso, um segundo filme (um pouco mais longo) conseguiu ser financiado no Kickstarter, estreando em outubro desse ano. Little Witch Academia foi criado e dirigido por Yoh Yoshinari e escrito por Masahiko Otsuka. Também lançaram alguns mangás baseados na animação (você pode ver o poster original do primeiro filme aqui).

O curta inicial é sobre Akko, uma garota que fica fascinada por magia ao assistir uma apresentação fantástica quando é criança, decidindo, por isso, se tornar uma bruxa. Não dá realmente para falar muita coisa sem dar spoiler, porque o filme é bem curto, mas eu achei a história bastante divertida! A animação também é ótima, as personagens são muito legais e a arte é bem bacana! É consideravelmente parecido com Harry Potter e o enredo é bastante simples, mas ainda assim é envolvente o suficiente para que você não perca o interesse em nenhum momento enquanto assiste.

Link
O segundo filme, Little Witch Academia: Mahou Shikake no Parade, tem por volta de 50 minutos e é uma espécie de continuação do primeiro, com Akko criando confusão na escola e recebendo como castigo a tarefa de gerenciar um "desfile" anual das bruxas. São apresentados personagens novos e os antigos são um pouco mais explorados. Eu gostei desse tanto quanto do primeiro! Assisti os dois, um seguido do outro, e isso não atrapalhou em nada, porque ambos são bem interessantes e divertidos.

Link
Eu gosto bastante de coisas com temas mágicos e fiquei contente de ter encontrado esses dois filmes! Também simpatizei muito com a Akko (foi a cara dela que me levou a pesquisar a série, haha), mas na verdade não encontrei nenhum personagem que não tenha gostado! Little Witch Academia não é a melhor série do mundo (como eu disse, é bastante simples e tem uma porção de clichês - até porque não dá para fugir muito disso quando se pega um tema desses), mas ainda assim vale muito a pena assistir. É muito engraçado, totalmente girl power e a história flui perfeitamente bem!

Link
Você pode ver o primeiro filme por aqui e o segundo (com legendas em inglês) aqui.

E por hoje é isso, o que vocês tem assistido? Já viram Little Witch Academia? O que acharam?

Eu fico por aqui, até mais!

Milky

domingo, 6 de dezembro de 2015

★ Organize-se: Limpeza de fim de ano! ★

Olá, como vão?

2015 está chegando ao fim, e para terminar cumprindo uma das metas que estabeleci no começo do ano, vou dar uma organizada final nas minhas posses materiais, rs. Se você quiser dar uma olhada na postagem das metas, só para ficar por dentro do que eu estou falando, clique aqui.

O post de hoje é mais uma descrição do que eu estou fazendo para limpar e reorganizar minha vida. É só uma fração de uma porção de medidas que tenho tomado ou estou tentando implementar. Ficou meio comprido porque é mais um relato pessoal do que um guia, mas ainda assim tem uma porção de dicas interessantes, para caso você queira fazer algo parecido. As partes importantes vão ficar destacadas para facilitar a leitura.

Aliás, eu sempre digo isso, mas vale a pena lembrar que você não tem que fazer nada do que estiver escrito aqui se não quiser. As dicas são só para caso você acredite que isso vá te ajudar de alguma forma. :)

Então, aí vai minha lista de coisas para fazer antes do ano acabar, e começar 2016 com tudo renovado!


★ Meu roteiro para limpeza de fim de ano! ★

Sophie para inspiração, haha. Link.

Você talvez queira ler esse post sobre organização antes. Ele tem algumas dicas mais gerais sobre como manter seu ambiente externo organizado, e eu vou usar algumas delas hoje também.

Como eu falei na postagem anterior, eu já fiz uma limpeza no meio desse ano e me livrei de muita coisa que não me servia, que estava repetida ou velha demais. Uma parte realmente foi para o lixo e outra foi doada. Também coloquei algumas peças que não se encaixavam mais no meu estilo para vender na loja (tem bastante coisa colorida lá, se quiser dar uma olhada!). E agora, antes do ano terminar, pretendo fazer uma segunda limpeza e me livrar de mais coisas que eu vejo que só estão ocupando espaço. Meu objetivo é ficar somente com aquilo que eu realmente gosto e uso. Eu também já parei de comprar coisas que sei que vão ficar guardadas por muito tempo, então, além de economizar dinheiro nelas, também posso me concentrar em investir mais em coisas que realmente vou aproveitar.

Então vamos lá!

Limpeza e organização!

A ideia é se livrar de uma vez de tudo que é supérfluo, mas isso não precisa ser feito numa tacada só. Uma boa dica é começar por uma parte específica: sua mochila, uma gaveta, uma estante, etc, e cuidar só dela. Quando terminar, você passa para a próxima. Se resolver mexer em tudo de uma vez, vai se cansar mais rápido e provavelmente vai acabar voltando um monte de coisa que não é necessária para os armários, porque você está tendo que lidar com muita informação de uma vez só. Se cuidar apenas de uma gaveta, por exemplo, você vai conseguir enxergar melhor o que serve e o que não serve lá. Você pode dar uma reorganizada geral no fim, quando tiver menos coisas com que se preocupar.

Tente definir um tema para seu guarda-roupa. Você pode usar esse post como guia para construir um guarda-roupa prático e que você realmente goste e use. No meu caso, eu separei parte do meu guarda-roupa para peças do dia-a-dia (você pode ver esses posts também: Dolly Kei Everyday, Como usar Lolita todos os diasElegância diária) e deixei outra para peças mais "enfeitadas", como o próprio Lolita, por exemplo. Se quiser, você também pode usar os posts antigos do Construindo um guarda-roupa Lolita completo para arrumar sua parte Lolita da força, mas a essência é simplesmente usar aquilo que gosta. Quando você tem um tema em seu guarda-roupa, fica mais fácil de encontrar coisas que se encaixem nele, e assim você tem menos trabalho para escolher, combinar e etc. Tendo peças que você curta e que funcionem umas com as outras, você vai acabar sempre se sentindo bem com o que está vestindo sem ter que fazer muito esforço.

The EGL Community - Fanny Rosie's wardrobe:
Link
Nota: Isso não é uma coisa que normalmente dá para fazer da noite para o dia, principalmente se você não tem muitos recursos financeiros, então não se desespere - vá montando seu guarda-roupa novo e se livrando do velho aos poucos. Levei um ano para deixar o meu do jeito que está, e ainda dá para melhorar muito!

Por outro lado, se tiver um guarda-roupa grande com muitas peças que gosta, tente separá-lo por cor ou "feeling" (também é possível tentar algo como aqueles guarda-roupas de "cápsula"). Mas não fique com coisa que você só vai usar uma vez na vida, que é desconfortável ou que você não gosta, mas está guardando por qualquer motivo. Venda ou doe, e faça alguém que realmente vá usar aquilo, mais feliz. Coisas velhas ou são recicladas, ou jogadas fora, não adianta guardar também!

 Defina um tema para seu quarto ou casa (ou pelo menos para cada ambiente). É o mesmo princípio do tópico de cima. Com um tema, você consegue montar uma decoração bonita e que te agrada bem rápido - e fica fácil mantê-la ou trocá-la depois, porque você sabe o que está constituindo cada parte. Em vez de colocar qualquer coisa em qualquer lugar, você cria um ambiente que é mais interessante, está mais conectado com você e ainda por cima, mais organizado. Muitas peças de decoração podem ser feitas a mão, e há uma porção de dicas na internet sobre como decorar sem gastar muito! É claro que, para redecorar ou organizar, você vai ter que se livrar de toda a "tralha" (coisas que não servem, que você não gosta, etc) antes.

Mori Girl Deco / Photo:
Link
 Organize as pastas e arquivos do seu computador. Já sugeri isso no primeiro post sobre organização, mas aí vão outras dicas para dar uma limpada no seu ambiente virtual: além de arrumar seus arquivos (e jogar fora os que já não são mais úteis), você pode organizar seus favoritos por pasta/tema, apagar seus emails velhos, se descadastrar de sites em que não entra ou que te mandam propaganda indesejada, e excluir gente que não acrescenta nada em suas redes sociais. Também acho válido desligar as notificações do seu celular (para não ficar pilhado e pensando nas coisas que tem para ver) e reduzir o tempo que passa nesse tipo de site - tente determinar um horário para ver seus emails/facebook, etc, e deixe o resto do seu dia livre para outras coisas. Você também pode fazer um backup de coisas muito importantes num HD externo ou arquivar em nuvem, se quiser. Guarde seus logins e senhas num lugar seguro (os menos importantes, como para sites de jogos, etc, eu deixo numa seção do meu próprio email).

 Diminua a quantidade de papel.  Dependendo do que você faz, gastar menos papel é uma tarefa complicada, mas ela pode te ajudar a ter um ambiente mais limpo e organizado, além de dar uma força para o meio ambiente. Tente trocar algumas coisas em papel por versões virtuais, como agendas, anotações, planilhas, rascunhos, etc.

Eu tenho algum problema com isso, porque (além de usar como material para desenhar) eu gosto mais e enxergo melhor as coisas quando elas estão no papel. Ainda assim dá para dar uma reduzida nos gastos, por exemplo: você pode trocar para pagar contas online em vez de receber cartas (se decidir ficar com a papelada, considere arranjar uma pasta com divisórias para separar as contas por mês - vide a dica no outro post); compre menos bloquinhos/cadernos, etc e aproveite melhor os que tiver; se for possível recicle (dá para, inclusive, montar um bloco só com papel reutilizado de sobras de corte, impressões que deram errado, etc - mas não fique guardando esse tipo de coisa se não for usar de verdade!). Também encontrei uma dica interessante sobre como economizar papel para enxugar as mãos, e embora isso não tenha muito a ver com organização em casa, ainda é bem legal para contribuir um pouco com o planeta:


 Carregue só o que for necessário. Essa foi/está sendo especialmente difícil para mim porque eu tenho o costume de levar tudo que tenha a mínima chance de ser usado dentro da bolsa/mochila/mala. A verdade é que em 99% das vezes as coisas que estão lá dentro passam o dia intocadas, e eu termino carregando muito peso a toa. A ideia aqui é bem simples e é parecida com os primeiros tópicos - se livre do que não usa. Tire tudo da bolsa/mochila e só coloque de volta o que você usa com frequência. Se tiver muita coisa solta considere arranjar uma "bolsa" menor para guarda-las (guardar suas maquiagens numa bolsa apropriada e só depois colocar dentro da verdadeira, por exemplo, ou uma carteira só para documentos - se realmente for precisar de todos eles). No meu caso as divisões são mais ou menos essas: maquiagem/remédios, etc, carteira, skecthbook e estojo, um livro, celular e fones de ouvido. Na mochila eu coloco mais um caderno para faculdade, e dependendo de para onde eu for, eu troco para uma bolsa menor e levo só o celular e a carteira.

130505-7778
Link

O roteiro resumido fica assim:


Arrume seu guarda-roupa.
Arrume seu quarto.
Arrume seu computador.
Se livre dos papeis.
Arrume sua bolsa/mochila, etc.

E vá se livrando de tudo que não precisa.

Manutenção!

Agora que as coisas estão mais desimpedidas, você deve ter algum cuidado para não entulhar e bagunçar tudo outra vez. Vou deixar também algumas dicas que aprendi e que uso ou comecei a usar:

 Não compre nada que saiba que não vá usar ou que só vá usar poucas vezes. Não compre nada que não goste de verdade ou que não te sirva bem. Não fique pegando tudo que é de graça e/ou está disponível por algum motivo - panfletos, jornais, amostras-grátis, coisas de outras pessoas, etc (a não ser que realmente queira aquilo). Não compre só porque está barato. Não guarde coisas velhas - se não servir mais, se livre. Não fique fazendo estoque em casa também, só compre outro produto quando o que você estiver usando começar a acabar. Você economiza dinheiro, espaço e o esforço para cuidar dessas coisas depois.

 Não deixe coisas largadas pelo seu quarto ou sua casa. Defina os lugares para os objetos ficarem e depois de usar, devolva-os para onde você determinou. Tente deixar suas superfícies (prateleiras, mesas, etc) o mais limpas quanto for possível. Não largue cadernos, papéis, chaves, roupa, comida ou qualquer coisa em cima da mesa se lá não for o lugar dela. Quanto menos coisa tiver jogada por cima da sua mobília, mais fácil vai ser de limpar e seu ambiente vai ficar menos poluído visualmente. Ficar rodeado apenas do que é necessário para cumprir uma tarefa também ajuda você a se concentrar - por exemplo, se for estudar numa mesa bagunçada, com outras coisas que não tem nada a ver com o que você está fazendo no momento, sua atenção acaba sendo fragmentada (o que pode fazer o trabalho ficar mais cansativo e mais longo).

Eu tive um problema nessa parte porque, particularmente, gosto de coisas carregadas (como é possível perceber pelo design do blog, rs). Mas a verdade é que há uma diferença entre a decoração e a bagunça: a decoração está no lugar certo. Eu estou reduzindo as coisas que ficam expostas nas estantes e mesas por causa do trabalho que dá para limpar, mas elas não atrapalham se estiverem nos lugares adequados, então você realmente só tira se quiser. A bagunça, por outro lado, são as coisas que ficaram jogadas e que deviam estar em outro lugar - e dessas você se livra. Para manter o ar de "antiquário" do meu quarto eu estou tentando mudar a "poluição visual" dos objetos para coisas mais fáceis de manter - em vez de colocar um monte de peças na escrivaninha, eu posso usar um papel de parede com desenhos vitorianos, por exemplo, ou um móvel com mais detalhes. De qualquer forma, a decoração em si é um passo a parte, e no nosso caso agora, o importante mesmo é simplesmente (repito) se livrar do que não usa e guardar as coisas nos lugares certos.

Vintage Shabby Pink!:
Carregado e arrumado :D  Link
 Compre produtos multiuso. Por fim, uma última dica é comprar coisas que tenham mais de uma utilidade - desde produtos de limpeza até móveis, cosméticos e peças de roupa que sejam versáteis, porque isso diminui o número de coisas que você guarda em casa e, consequentemente, torna o trabalho de organização bem mais fácil de ser feito. 


E é isso. O post ficou com cores mais claras por falta de exemplos das trevas, haha, mas funciona de qualquer maneira. Tentei colocar do jeito mais claro possível, mas ainda assim é bastante coisa e você não precisa se sobrecarregar com isso. Se quiser, faça um tópico por vez, ou por "ondas" - eu fiz uma parte no meio do ano e agora estou passando de novo. Eu também usei algumas ideias de vlogs de organização e minimalismo como o da Rachel Aust  e o da Melissa Alexandria, então se estiverem interessados nesse tipo de coisa, não deixem de dar uma pesquisada nessas canais. E talvez eu faça um post mostrando os resultados! Mas e vocês? O que estão fazendo para o ano novo? Acham vantagem em organização ou se viram de outros jeitos?

Eu fico por aqui por enquanto, tenham um ótimo final de ano!

Milky

terça-feira, 1 de dezembro de 2015

★ Recomendação: Over the Garden Wall ★

Olá, como vão?

Esse post era para ter sido feito perto do Halloween, mas eu fiquei enrolada com esse semestre na faculdade, então acabou que eu só consegui postar em Dezembro, haha.

Eu assisti recentemente (ou nem tanto) a minissérie Over the Garden Wall (ou O Segredo Além do Jardim, em português), e queria recomendá-la porque eu acho que é algo que realmente vale a pena ver. A série é do Cartoon Network, e foi criada por Patrick McHale - que trabalhou anteriormente em Hora de Aventura e em As Trapalhadas de Flapjack. Foi lançada em 2014 nos E.U.A. e dublada por algumas personalidades conhecidas como o Elijah Wood e Christopher Lloyd. No Brasil, aparentemente, só passou esse ano.

So yesterday, I watched all ten episodes of Over the Garden Wall. The show is a surreal mixture of Alice in Wonderland, folklore and fairy tales, and old cartoon animation and it is wonderful. Aside from the main characters, who are all fleshed out and believable, each episode is packed to with references to mythology and folklore.:
Link
São dez episódios curtos, com em média onze minutos cada, contando a história de dois irmãos, Wirt e Greg, que estão perdidos em uma floresta, procurando o caminho para casa. No meio da jornada, se juntam à Beatrice, um pássaro azul falante, e também têm encontros recorrentes com um velho Lenhador. O lugar onde estão é chamado de "The Unknown" ou "O Desconhecido" - o título do episódio piloto é "Tome of the Unknown" (que foi o que deu origem a série) e os finais são "Into the Unknown" e "The Unknown", interconectando as partes.

A animação tem um ar sombrio e nostálgico, embora muitas vezes mostre-se leve e engraçada. Tem bastante influência musical, principalmente da do começo do século XX, e todas as canções dos episódios são bem impressionantes. O visual é muito bonito e as dublagens em inglês (não cheguei a ver em português ainda) são muito, muito boas - as vozes do Enoch e do "The Beast", por exemplo, ficam ecoando na sua cabeça mesmo depois de você ter terminado de assistir, rs.

Nick Cross | Over the Garden Wall backgrounds, Chapter 2 "Hard Times at the Huskin' Bee":
A arte é ótima! Link.
Por ter uma atmosfera de sonho e mistério, você sempre fica com a sensação de há algo mais, ou que há alguma coisa secreta em tudo que foi passado nos episódios. Algumas referências estão realmente "escondidas", entretanto. A entrada do episodio piloto, por exemplo, dá pistas sobre uma porção de coisas que acontecem ao longo da série - e algumas dessas coisas você realmente só descobre por lá. O enredo é muito bem construído, e embora eu tenha levado um tempo para aceitar o final, rs, não posso negar que a história é realmente ótima!

Link
Os personagens também são muito bons, mesmo os que não aparecem com frequência. O Greg é muito divertido, o Wirt é um personagem muito bem desenvolvido, e a Beatrice é muito engraçada! Essa série também tem uns momentos consideravelmente assustadores e/ou filosóficos - o que chama a atenção, principalmente se você levar em conta que o público alvo é infantil, haha, mas eu acho que isso a deixa ainda mais rica.

Link
Eu assisti legendado pelo site da Noitosfera, e como a série é curta (e interessante) acabei vendo tudo de uma vez só. Tinha gostado da arte e do visual dos personagens (as roupas deles são muito legais!), mas me surpreendi bastante com todo o conteúdo do trabalho. Com certeza recomendo!

Também sugiro que você dê uma pesquisada sobre o assunto depois de assitir e/ou tente rever algumas partes, porque se você for como eu, vai ficar um pouco perturbado (por causa dessa "coisa" misteriosa que esse desenho tem, haha), e é legal descobrir as referências perdidas ou dar mais atenção às partes que você não tinha notado.

Link
E vocês, já assistiram? O que acharam? Viram alguma série bacana para recomendar também? Estou aceitando sugestões, haha.

Vou ficando por aqui, até mais!
Milky

Fonte de pesquisa: Wikipedia

★ Destaques de Novembro - AFLBN ★

Olá, como vão?

Já estamos em Dezembro (caramba!) e hoje é o dia para os destaques do mês. O tema proposto na AFLBN foi "Mosaico Pessoal", e vocês podem conferir os posts sobre o assunto no álbum de Novembro.

Link
E para os destaques!

A Sayaka do Midori Sakura postou sobre presentes fáceis de fazer, inspirados em Mori. Adoro DIY's, e esse post está cheio de ideias super bacanas! (Duas fotos porque olhem como é legal, haha.)


★ A Ichigo do Sussurro do Ar fez um review de itens muito fofos que ganhou da Follow the white rabbit em parceria com o Pastel Cubes (tem um vídeo também, então dá para ver tudo em detalhes!).


★ A Thia do Firefly Nebula escreveu um post bastante útil sobre como evitar calotes nos grupos de compra e venda do facebook. Ela deu dicas muito legais, então não deixe de conferir!



★ A Hoshi do Pote de Estrelas falou um pouco sobre suas impressões do Cult Party Kei, que é um estilo muito, muito bacana. Se você ainda não conhece, dê uma passadinha por lá.



★ E a Janz do Papaya com Cassis postou fotos do ensaio Mori Boy e deu dicas sobre como começar no estilo. As imagens estão lindas!


Vários blogs novos se juntaram ao grupo então não deixe de dar um apoio na página do facebook e ficar por dentro do que anda acontecendo!

Network

E eu fico por aqui hoje, tenham um ótimo mês de dezembro!
Hasta la vista!

Milky

recommend

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...